Posso ajudar? ♥

Carregando...

Marcadores!

A dona do blog! ♥♥

Minha foto
Flávia Martins, 22 anos, mineira, advoGata e, futura deleGata! 🙏

Meus amores! ♥

segunda-feira, maio 13, 2013

E você, seria capaz de se sacrificar por alguém?





"Fazer, falar, e esperar vir de alguém., algo que se faz compreender... Que amar é se dar pelo outro, um sentimento ágape envolto, Como águia enxergar mais perto sobre o que é o amor." - Rosa de Saron.

Olá meus amores, 
 Hoje de manhã eu não fui no cursinho, e meu namorado foi lá pra casa... Aí, quando deu meu horário eu vim pro serviço com o tema do post de hoje na cabeça: sacrifício, se dar pelo outro. E juuuro, que nem me lembrei dessa música de Rosa de Saron, mas enfim... Cheguei, liguei meu pc, e entrei no google para pesquisar sobre o tema que eu queria postar, de repente, encontro esse blog: http://cris-amarsedarpeloooutro.blogspot.com.br/, com um texto com o tema que eu queria postar, ahhh, desabei viu... Porque minha cabeça tá cheia, tô cheia de pensamento besta... e tava com algo na cabeça que se eu fizesse mudaria minha vida... Ao ler o texto, tudo mudou... e espero que vocês me entendam.
Então, hoje vou falar sobre sacrificar-se por alguém, sacrificar nossos sonhos, nossa vontade, nosso eu, por alguém especial a ponto de merecer tudo isso. Sobre um amor que é tão imensurável que a gente é capaz de abrir mão de nós mesmos pelo outro sabe. E eu pensei muito nisso hoje... Nas pessoas que eu tenho e pelas quais eu seria capaz de dar a vida se preciso fosse. Nos dias de hoje tudo se tornou tão descartável, a família se tornou tão banal, se casar, ser dona de casa, cuidar do marido/esposa, coisas que antes eram essenciais se tornaram tão "nada", o profissionalismo, a carreira, o emprego, a faculdade, os cursos, o sistema capitalista se tornou primeiro plano. As relações se tornaram tão rasas, ninguém mais se entrega de corpo e alma, fingimos o tempo todo, temos medo de mostrar quem realmente somos e sermos julgados pela vida. As pessoas se mostram felizes o tempo todo, fingem uma vida sem problemas, e tudo fica por isso mesmo. "O relacionamento é fundamental para o crescimento humano, ninguém consegue viver sozinho. Todos precisamos uns dos outros."
E é se relacionando que descobrimos quem realmente vale a pena, por quem vale a pena lutar, por quem vale a pena se dar por completo. Muitas vezes deixamos erros passados invadir nossa cabeça, impedindo uma entrega verdadeira para o outro. Mas isso não é culpa nossa, é insegurança, inerente a todo ser humano, é natural.
"Incomoda-me a forma superficial com que muitos se tratam em seus relacionamentos. Por vezes, apenas uma pessoa se dá a conhecer no relacionamento e a outra não. Em outros casos, nenhum dos dois se dá, ambos querem apenas uma relação de troca – “eu dou o que você precisa, você me dá o que eu preciso e pronto”. Matamos o que poderia se tornar amor profundo com raízes capazes de suportar qualquer prova. Eliminamos a possibilidade de vivermos uma história de amor real, onde sofremos, nos alegramos e vencemos juntos; onde conhecemos o que de melhor e o que de pior o outro tem e nem por isso deixamos de amá-lo, porque amor não é sentimento. É compromisso." 
Acho que ando muito stressada, porque as vezes um medo de magoar os outros invade minha vida, que meu desejo é desaparecer da vida de muita gente para evitar sofrimento. Amo tanto algumas pessoas que eu seria capaz de largá-las para vê-las felizes... largaria meus sonhos, meus projetos, tudo pela felicidade de algumas pessoas... pra ser sincera, 4 pessoas... (que não convém falar quem são!) Daria minha vida por elas, largaria qualquer coisa pela felicidade dessas pessoas. Abriria mão da minha carreira, do meu emprego, da minha faculdade, da minha vida pela felicidade delas. E isso me dói, porque não sou perfeita, erro demais, falo coisas que não deveria falar, e sei que faço as pessoas sofrerem, e minha vida é sair da vida delas para que elas não sofram mais por mim. Mas, será que essa é a melhor solução? De verdade? Eu não sei... porque ao mesmo tempo que quero vê-las bem, mesmo que seja longe de mim, desejo que o bem delas seja ao meu lado... mas será que querendo isso sou egoísta? Será que meu medo de abandoná-las pela sua própria felicidade é egoísmo meu?
Eu não sei... eu só quero um relacionamento com essas quatro pessoas com uma base forte, quero que seja pra sempre.


Enfim, se alguém tiver alguma dica... por favor, me dê. Minha cabeça tá a mil por hora... e quero que as coisas se acertem sem nenhuma decisão errada.

 Desculpem se não gostarem do post, mas eu precisava postar isso. Fiquem com Deus.

E deixo aqui uma pergunta:
E você, seria capaz de se afastar de alguém que você ama muito pela felicidade dela? 


Abraços!

6 comentários:

Gabrielly disse...

Gostei muito do post!
O amor tudo sofre, ele não é egoísta.

Post novo, venha conferir!!!
http://gabriellyrosa.blogspot.com G.R ♥

Edileia Ferreira disse...

Que amor seu blog, adorei.Estou seguindo, segue de volta? Saiba que sera muiito bem vinda :)

http://leyahff.blogspot.com.br/

Bjiinhuss Cariinhososs

Mariana Marques disse...

Sabe aquela velha frase ninguém é perfeito? Pois é.
Os relacionamentos são assim, quem ama também magoa, temos uma falsa idéia de que não podemos ferir quem gostamos ou não podemos ser feridos mas em algum momento isso vai acontecer e quer saber? É o que fortalece, é como nos conhecemos e conhecemos o outro porque apesar da vontade de se entregar, ter limites pessoais não há nada de mal, até ajuda no convívio.

www.vaidosaetodaprosa.com.br

Keico Miranda disse...

Oi flor também adoro vir aqui....amei seu post....vc já leu aquele versiculo da biblia que fala assim...ainda que eu falasse a lingua dos anjos que falasse a lingua dos homens sem amor eu nada seria....está em corinthios 13....leia...acho lindo esse versiculo bjs!!!!

REINVENTANDO disse...

Já me afastei de uma pessoa que amava muito para ela ser feliz, pois sabia que ao meu lado,ela não encontraria, pois nós éramos totalmente opostos e sabia que o relacionamento não iria para frente.
Seu post é bastante reflexivo e leva a muitas interpretações.
Já estou seguindo de volta, viu? Abraços.Sandra

Flávia Martins disse...

Obrigada pelos comentários meus amores!