Posso ajudar? ♥

Carregando...

Marcadores!

A dona do blog! ♥♥

Minha foto
Flávia Martins, 22 anos, mineira, advoGata e, futura deleGata! 🙏

Meus amores! ♥

quarta-feira, maio 04, 2016

Eu sou egoísta, e você? •

Foto tirada do google.


Assunto polêmico o de hoje hein?! Afinal, quem é egoísta tem muita dificuldade em admitir, ou então prefere não se manifestar com medo das críticas. Por outro lado, tem aqueles que se dizem opostos ao egoísmo e adoram criticar os ditos "egoístas". Existe uma ideia de que o egoísta só age em benefício próprio, mesmo que isso implique em prejudicar alguém. Mas, aqueles que criticam os egoístas também agem em causa própria com medo de sofrer efeitos do egoísmo do outro. Mas o que me intriga é seguinte: pensar em nós mesmos é algo natural, ou um hábito que aparece com o tempo e de acordo com as experiências que vivemos?
O que é preciso é que fiquemos de olho em nosso comportamento para que não o deixemos atrapalhar o nosso convívio social, afastando os amigos e trazendo dificuldades para o nosso relacionamento. Eu reconheço: sou egoísta sim, e muito! E não vejo vergonha nenhuma em admitir isso. Afinal, é da nossa natureza humana errar, pecar, e claro, querer esconder isso como se fôssemos perfeitos. Mas não somos. E quanto mais tentamos esconder isso dos outros, menos temos a chance de mudar o que nos incomoda em nós mesmos, afinal, quando se esconde algo de alguém, em primeiro lugar, escondemos de nós mesmos. Sabe por quê tô falando isso agora? Porque algumas atitudes minhas começaram a me mostrar o quanto sou egoísta, mas não de forma exagerada... pequenos egoísmos do dia-a-dia que são egoísmos sim. Como por exemplo, vi uma menina no cursinho com uma sapatilha igual a minha, senti um treco, e percebi o quando sou egoísta por querer que tudo seja meu e só meu... por querer que ninguém tenha o que eu tenho sabe. Percebi que sou imperfeita e que sou fraca por isso... mas que posso mudar essas atitudes.
Mas sabe em quê eu sou mais egoísta? Com meu marido. Quero ele só para mim... o tempo todo só para mim. E esse egoísmo meu é o mais violento... não queria ser assim, mas sou. Não vejo o egoísmo apenas pelo seu lado ruim, e é claro que ele existe, afinal, quando somos egoístas, atraímos sentimentos ruins, afastamos as pessoas, e nos concentramos unicamente em nossos desejos, mas é preciso ponderar e olhar os dois lados desse egoísmo. Todos nós temos um pouco de egoísmo, pois tudo o que conseguimos até hoje é puro egoísmo. Vejo o egoísmo como uma forma de persistência naquilo que queremos, e é só persistindo que conseguiremos alcançar as coisas que almejamos, destarte, podemos deduzir que somos egoístas sim, afinal é essa força de persistência que nos faz alcançar nossos sonhos, e é só assim que teremos o melhor para nós. Sei que é contraditório, mas acho que, como eu vejo, as pessoas também deveriam ver o egoísmo como uma qualidade, afinal, ele é o meio para atingirmos nossos grandes objetivos em amplos sentidos.

E você, como vê o egoísmo? Se considera egoísta?


Até a próxima meus amores!

Beijinhos **

terça-feira, maio 03, 2016

E quem é você quando ninguém está olhando?



Olá minhas lindezas,

Como seres humanos imperfeitos que somos, procuramos sempre agir da maneira  correta quando a nossa imagem e o nosso nome estão em jogo.  Estamos querendo nos mostrar sempre impecáveis, sempre superiores, sempre entendidos de tudo. Nem nos preocupamos como realmente estamos, e sim como as pessoas estão nos vendo. Muitas vezes fingimos que a vida está sensacional, como um conto de fadas onde tudo sempre dá certo, mas na verdade estamos desmoronando. Maaaaaas, e quando ninguém está olhando, qual é a nossa atitude?
Quando ninguém te vê, você sorri sempre? Você nunca está de mau humor? Seu casamento/namoro é perfeito? Sua vida não tem nenhum defeito? Já pensou por esse lado?
Já parou pra pensar que imperfeições, problemas e desafios são a nossa base? E que sem eles somos fracos, incapazes de crescer e aprender? 
Pois é... Parei para pensar nisso e descobri tanta coisa.. Descobri que no meu trabalho devo sorrir sempre, devo ser educada e tratar as pessoas com cortesia mas,  estar um dia de mal humor, sorrir um pouco menos, ficar um pouco mais calada não é pecado nenhum. Afinal, tem alguns dias que estamos cansados, sobrecarregados da vida... e nos dar um descanso, ser a gente mesmo, independente da opinião alheia não faz mal. Pelo contrário. Aprendi uma coisa muito
interessante: é preciso esvaziar-se um pouco, para dar conta de encher-se novamente sem derramar nos outros. E é a mais pura verdade, é preciso dar um tempo de tanto sorriso, de tanta conversa, de tanto fingimento, para dar conta de ser você, de viver você. 
Sei lá, a vida é tão dura com a gente, que a maneira mais fácil de nos manter de pé, é, talvez, não nos mostrar com tanta verdade para o mundo mas, será que isso nos faz bem?
É um questionamento que mexe muito com a gente e, que deveria ser visto como uma maneira de revisar a vida, de revivê-la. Enfim, quando ninguém me olha, sou a  Flávia imperfeita, birrenta, desleixada, chata... e isso me alivia para levar a vida da melhor maneira possível. Então, quem é você quando ninguém está olhando?


Espero que tenham gostado do texto... e que pensem um pouquinho sobre o assunto. A vida é muito curta para ser tão cheia, vivida superficialmente só pelos outros. Deixe aí sua resposta, deixe aí quem é você de verdade!

Beijinhos **